jusbrasil.com.br
23 de Outubro de 2021
    Adicione tópicos

    07 Filmes para Advogados e estudantes de Direito

    Filmes para operadores do Direito baseados no ranking do IMDb (Internet Movie Database)

    Pedro Henrique Keller, Advogado
    Publicado por Pedro Henrique Keller
    há 5 meses


    A pandemia do novo Coronavírus nos obrigou a ficar em casa de quarentena e respeitar o isolamento social. Que tal seguir essas sugestões para relaxar e assistir um filme? Existem diversos filmes para advogados nas plataformas de streaming e você nem precisa procurar muito para encontrá-los.

    Pensando nisso, separamos 07 filmes de Advogados que você precisa assistir. Retiramos as sinopses do Adorocinema, site nacional de muito prestígio. Confira:

    Um sonho de liberdade (1994)

    Nota: 9,3

    Um sonho de liberdade é um dos filmes clássicos da história do cinema mundial, que teve 7 indicações ao Oscar no ano de 1995.

    Sinopse: A grande temática abordada no filme é a fragilidade do sistema prisional dos Estados Unidos, que abre precedentes para traçarmos, também, uma relação entre os desvios e falhas que também acontecem no Brasil.

    Na obra, Andy Dufresne, vivido por Tim Robbins, é um banqueiro de sucesso que é condenado injustamente à pena perpétua pelo assassinato de sua esposa e seu amante. Mandado para presídio famoso — e temido — do Maine, Andy aos poucos conquista a amizade de Red, um veterano vivido por Morgan Freeman.

    A partir daí, o filme dá uma verdadeira aula sobre a realidade nos presídios americanos, trazendo à tona fatos como a corrupção e a relação de violência (e respeito) entre os detentos.

    O informante (1999)

    Nota: 7,9

    Sinopse: Em 1994, ex-executivo da indústria do tabaco deu entrevista bombástica ao programa jornalístico "60 Minutos", da rede americana CBS.

    Dizia que os manda-chuvas da empresa em que trabalhou não apenas sabiam da capacidade viciadora da nicotina como também aplicavam aditivos químicos ao cigarro, para acenturar esta característica.

    Na hora H, porém, a CBS recuou e não transmitiu a entrevista, alegando que as consequências jurídicas poderiam ser fatais. Baseando-se nesta história real, O Informante narra a trajetória do ex-vice-presidente da Brown & Williamson Jeffrey Wigand (Russell Crowe) e do produtor Lowell Bergman (Al Pacino), que o convenceu a falar em público

    12 homens e uma sentença (1957)

    Nota: 7,9

    Sinopse: Um jovem porto-riquenho é acusado do brutal crime de ter matado o próprio pai. Quando ele vai a julgamento, doze jurados se reúnem para decidir a sentença, levando em conta que o réu deve ser considerado inocente até que se prove o contrário. Onze dos jurados têm plena certeza de que ele é culpado, e votam pela condenação, mas um jurado acha que é melhor investigar mais para que a sentença seja correta. Para isso ele terá que enfrentar diferentes interpretações dos fatos, e a má vontade dos outros jurados, que só querem ir logo para suas casas.

    Os 7 de Chicago (2020)

    Nota: 7,8

    Sinopse: O filme é ambientado em 1968, ano de marcos importantes: morte de Martin Luther King, assassinato do presidente Robert F. Kennedy, Guerra do Vietnã e a intensificação da luta pelos direitos civis.

    Após a morte de John Kennedy, Lyndon Johnson assumiu a presidência. Grande parte dos americanos estavam posicionados contra a permanência das tropas americanas na guerra do Vietnã. Por essa causa em comum, grupos distintos se uniam nas ruas para protestar: hippies, uniões estudantis, negros, mulheres. A popularidade de Johnson estava em queda.

    Advogado do Diabo (1997)

    Nota: 7,5

    Sinopse: Kevin Lomax (Keanu Reeves), advogado de uma pequena cidade da Flórida que nunca perdeu um caso, contratado John Milton (Al Pacino), dono da maior firma de advocacia de Nova York. Kevin recebe um alto salário e várias mordomias, apesar da desaprovação de Alice Lomax (Judith Ivey), sua mãe e uma fervorosa religiosa, que compara Nova York a Babilônia.

    No início tudo parece correr bem, mas logo Mary Ann (Charlize Theron), a esposa do advogado, sente saudades de sua antiga casa e começa a testemunhar aparições demoníacas.

    No entanto, Kevin está empenhado em defender um cliente acusado de triplo assassinato e cada vez dá menos atenção sua mulher, enquanto que seu misterioso chefe parece sempre saber como contornar cada problema e tudo que perturba o jovem advogado

    O poder e a lei (2011)

    Nota: 7,3

    Possivelmente, meu filme favorito desse lista de 07 clássicos do Direito.

    Sinopse: O filme se desenvolve quando Mick Haller (Matthew McConaughey), um carismático advogado criminal de Los Angeles que trabalha no banco de trás de seu carro, um Lincoln Town Car preto, é contratado pelo milionário Louis Roulet (Ryan Phillippe) para defendê-lo de uma acusação de assassinato. O que parecia ser um caso simples se transforma em uma história obscura cheia de manipulação, onde o protagonista começa a se questionar e descobre que pode estar sendo alvo de perseguição.

    O mercador de veneza (2004)

    Nota: 7,1

    Livro clássico de William Shakespeare, leitura obrigatória para estudantes

    Sinopse: A história se passa em meados do século XVI , época em que as atividades comerciais e econômicas se aceleravam na Europa. Uma disputa se inicia depois que um agiota judeu e um mercador cristão firmam um contrato. Por que assistir? o filme vale pela discussão interpretativa do negócio firmado entre os personagens. "Além disso, mostra que, quando a sede de justiça é exagerada, ela pode se voltar contra quem a pleiteia", afirma




    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)